quarta-feira, 23 de abril de 2008

Isabela Nardoni

Isabela Nardoni morreu de forma drástica e muito triste. Acredito que se ela pudesse se expressar sobre tudo o aconteceu escreveria aproximadamente as seguintes palavras: Ä todos os que estão acompanhando o drama pelo qual passei, gostaria que soubessem alguns detalhes: Mesmo sem poder me defender, olhei com ternura para aqueles que agrediam, sem entender o motivo de tal acontecimento, Através do olhar pude sentir o que se passava lá no mais fundo de suas almas. Que o egoísmo e a inveja haviam dominado completamente aqueles corações, onde só existia espaço para o ódio e o rancor. Nós, crianças, possuímos esta habilidade que os adultos perdem quando crescem, de que o olhar fala muito mais que muitas palavras, e tem a propriedade de nunca mentir, nós conseguimos penetrar no olhar das pessoas, ouvir tudo o que diz o seu coração. Se alguém pudesse ler os meus olhos naquele momento, perceberia que eu amava a vida, que adorava ver o nascer do sol, o cantar dos pássaros, e o calor das pessoas. Entretanto, preferiram me privar do meu bem mais precioso: minha vida. Todo esse debate sobre violência, justiça, impunidade, etc, que minha situação gerou, poderia ter um melhor resultado se perguntasse às crianças como podemos viver em paz. Nós temos as respostas, entretanto, infelizmente ninguém quer nos ouvir. Sofri muito antes de morrer, mas Deus me ajudou a enfrentar essas horas. Ele sempre esteve comigo, e hoje, que estou ao lado dele, agradeço por tudo, e se quiser saber como ele é, é só olhar para uma Criança para entendê-lo. Não podemos mudar o que passou, mas você pode viver melhor, hoje, se conhecê-lo melhor. Perdoei a todos que me fizeram sofrer. Espero que eles um dia entendam que uma vida de verdade, depende exclusivamente de um relacionamento com o Criador, do qual eles estavam muito distante. Vida só é vida, se vivida de acordo com aquele que a criou. Quando estivermos juntos vou poder dar um abraço em todos vocês um a um, e dizer o quanto é maravilhoso pertencer a essa imensa família que quando um sofrem todos sofrem juntos.
---------------------------------
Amem a vida.
Daniel Tomaz

2 comentários:

Leandro disse...

A Bíblia diz isso "O Povo também estava trazendo criancinhas para que Jesus tocasse nelas. Ao verem isto, os díscipulos repreendiam os que as tinham trazido. Mas Jesus chamou a si as crianças e disse:"Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino de Deus pertence aos que são semelhantes a elas. Digo-lhes a verdade:Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, nunca entrará nele"

Leandro disse...

A referência é Lucas 18:15-17

Buscar neste blog